“Segurança dos Alimentos” é o tema do Dia Mundial da Saúde 2015

    Dia mundial da Saude 2015-menor

    Alimentos não seguros estão ligados à morte de cerca de 2 milhões de pessoas por ano – incluindo muitas crianças. Os alimentos que contêm bactérias nocivas, vírus, parasitas ou substâncias químicas são responsáveis por mais de 200 doenças, que vão desde diarreia ao câncer.

    As novas ameaças à segurança alimentar surgem constantemente. Alterações na produção de alimentos, distribuição e consumo; alterações no ambiente; novos e emergentes patógenos; resistência antimicrobiana – todos colocam desafios aos sistemas nacionais de segurança alimentar. Aumentos em viagens e do comércio aumentam a probabilidade da contaminação se espalhar internacionalmente.

    Por tudo isso, o tema definido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para o Dia Mundial da Saúde 2015 é segurança dos alimentos.

    Como o nosso abastecimento alimentar torna-se cada vez mais globalizado, a necessidade de reforçar os sistemas de segurança dos alimentos em todos os países está se tornando cada vez mais evidente. É por isso que a OMS está promovendo esforços para melhorar a segurança dos alimentos, do campo ao prato (e todo o resto) no Dia Mundial da Saúde, 7 de abril de 2015.

    A OMS ajuda os países a prevenir, detectar e responder a surtos de doenças transmitidas por alimentos – em consonância com o Codex Alimentarius, uma coleção internacional de normas, diretrizes e códigos de prática que abrange os principais alimentos e processos. Juntamente com a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), a OMS alerta países sobre emergências de segurança alimentar através de uma rede de informação internacional.

    Cinco Chaves para uma alimentação mais segura

    A segurança alimentar é uma responsabilidade partilhada. É importante trabalhar ao longo de toda a cadeia de produção de alimentos – de agricultores e fabricantes a fornecedores e consumidores. Por exemplo, a OMS Cinco divulga chaves para uma alimentação mais segura ao oferecer orientação prática para fornecedores e consumidores relacionadas à manipulação e preparação dos alimentos:

    • Chave 1: Mantenha limpo
    • Chave 2: Separe alimentos crus de cozidos
    • Chave 3: Cozinhe bem os alimentos
    • Chave 4: Mantenha os alimentos a temperaturas seguras
    • Chave 5: Use água potável e matérias-primas de qualidade

    O Dia Mundial da Saúde 2015 é uma oportunidade para alertar as pessoas que trabalham em diferentes setores do governo, os agricultores, fabricantes, varejistas, profissionais de saúde -, bem como os consumidores – sobre a importância da segurança alimentar, e a parte cada um pode desempenhar para garantir que todos possam se sentir confiantes que a comida no seu prato é segura.

     

    Fonte: http://www.who.int/campaigns/world-health-day/2015/event/en/

    Deixar uma Resposta